domingo, 10 de junho de 2012

Insanidade sem gelo por favor ?


Dose dupla, aliás. Para que desça, pela garganta, como as melhores bebidas. Para que suba, até o cérebro, como os mais fortes ácidos. Para que nos arraste, até o fundo do poço, como a mais real tristeza.
[Rebecca Funke]


Tentei auto-analise, auto-mutilação, álcool, suicídio, masoquismo, meditação, numereologia, pintura, matemática, budismo, pacto de sangue. E cheguei a conclusão que eu acabei com a minha saúde mental, mas foda-se.