segunda-feira, 25 de junho de 2012

Não precisar trazer flores e nem presentes, só precisa sentir o que eu quero que sinta comigo

Eu não acredito em amor pra toda vida, você também não precisa ficar comigo por toda vida, um amigo disse pra mim aproveitar o momento, e que gostar de alguém não é crime. Ninguém é livre de ter o coração partido. Sabe moço, a minha mãe teve o coração partido, ela chorou, não quero que me faça chorar também, eu não quero te odiar, eu quero que seja o motivo pra minha mãe ficar brava comigo por eu ter perdido a noção do tempo, e ter chegado em casa tarde porque dormi no seu sofá, depois da gente ter conversado sobre os nossos medos. Não quero que você me faça fazer o que eu já fiz com os outros, não me irrite ao ponto de eu desligar o telefone, bater a porta na sua cara e deixar você falando sozinho enquanto eu me viro e vou embora. Eu acho que eu não vou precisar fazer isso, eu não quero precisar fazer isso, eu queria que com você fosse diferente, queria não ver você com outra, que você não me deixasse de lado por causa dos seus amigos, que não me largasse sozinha a noite pra fazer sei lá o que na rua. Eu sei, às vezes eu quero coisas demais, eu só queria mais uma coisinha, queria que você gostasse de mim.