segunda-feira, 5 de setembro de 2016

E você nem se quer se lembra.

''Eu sinto sua falta quando eu não consigo dormir, ou logo após o café, ou quando não consigo comer. Eu sinto falta de você no banco da frente do meu carro''.
Ao som de: I hate u, I love u

Faz 365 dias desde o dia em que você decidiu ir embora, 365 dias que você não fez mais questão de lembrar de todos os planos que fizemos juntos, 365 dias que você me arrancou toda e qualquer capacidade de amar outro alguém. Mesmo que eu tenha conseguido seguir com a minha vida, eu não consigo saber quando será o dia em que eu vou acordar e não te ver nas coisas simples do dia, como quando eu acordo e percebo que a minha cama é grande demais só para mim ou quando chego em casa depois da faculdade e não tem ninguém me esperando.
Eu não consigo me recordar como chegamos ao fim, mas ainda lembro dos seus lábios e me dói pensar no quanto eu precisei de você nesses últimos meses, recusando qualquer ajuda que não fosse a sua e você nem se importou. Você nunca se importou.